Geral

Aglomerações em Santiago: 30 pessoas foram autuadas na primeira noite de fiscalização

A pedido do Ministério Público, a Prefeitura mobilizou uma operação junto com a Brigada, a Defesa Civil, o Conselho Tutelar e os setores de fiscalização da Secretaria da Fazenda e Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde.  A primeira noite de abordagens, na sexta (22), resultou em 30 termos circunstanciados feitos pela Brigada por descumprimento dos decretos.

Foram fiscalizados bares, lancherias, conveniências e locais públicos. O Conselho Tutelar visitou locais para verificar se havia menores consumindo álcool. A fiscalização da Fazenda fez notificações referente às novas regras de permanência nos arredores de bares e conveniências. A Vigilância Sanitária, que comandou a operação juntamente com a Defesa Civil, também atuou na fiscalização. Conforme Paulo Acosta, coordenador da Defesa Civil, o trabalho continua no final de semana e nos próximos dias, a qualquer horário.

Está proibido beber na rua

Na sexta (22), a Prefeitura publicou decreto com novas regras para o funcionamento de restaurantes, lancherias, bares, conveniências, distribuidora de bebidas…

  • Fica vedada a permanência de pessoas alheias ao serviço em áreas internas de postos de combustível, e em seus arreadores;
  • Também fica vedada a permanência de pessoas nos entornos de conveniências, bares, restaurantes, lancherias, distribuidoras de bebidas, e congêneres;
  • As conveniências, bares, restaurantes, lancherias, distribuidoras de bebidas, e congêneres poderão funcionar até a meia-noite, obedecendo as regras (acesso restrito de clientes, distanciamento, vedada a permanência de pessoas em pé, entre outras);
  • Fica proibido o consumo de bebidas alcóolica em locais
    públicos, assim entendido ruas, avenidas, calçadas, praças, parques e congêneres.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios