Lixo: nossas vergonhas dependuradas

(por João Lemes)
Seja pelo Rio Grande ou fora dele, sempre faço minha pesquisa com relação à separação do lixo naquelas lixeiras bonitinhas, com uma cor para cada resíduo. Até dia de hoje eu nunca vi um conjunto dessas lixeiras com tudo em ordem, separadinho como manda a boa consciência (Nem mesmo nas universidades). Esta cena foi em Manoel Viana, do lado da Prefeitura.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios